quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Um ex-paquito me deixou envergonhado*


Pr. Neemias Lima
Domingo passado, no culto noturno, pedi oração pelo missionário brasileiro Alexandre Canhoni, que teve sua casa totalmente destruída no Níger. Mas não sabia que se tratava do ex-paquito da Xuxa chamado Xand. Na terça-feira, dia 20, uma matéria na RECORD sobre a destruição de sua casa e ele participou ao vivo. Vi a matéria. Fiquei envergonhado.
Na década de 90, Xand era um dos famosos paquitos e o glamour da televisão não lhe trouxe paz. Em entrevista anterior afirmou: "Era muita competitividade. Muita inimizade. Não me dava bem com ninguém. Um queria ser melhor do que o outro. Se disser que era uma família, tudo uma maravilha, estaria mentindo. Até peço perdão aos fãs porque só queria dinheiro e fama. Tinha 17 anos, sem conhecimento nenhum da vida, filhinho de papai deslumbrado com a fama, com mulher, com carro do ano. Tinha de tudo [em relação a bens materiais], me envolvia com mulheres, usei drogas, experimentei de tudo. Era uma loucura".
Na matéria, Xand destaca: “Assim que me converti, senti grande necessidade de ajudar as pessoas. Pensei em ir a um lugar que ninguém gostaria de ir. Descobri o Níger, não é a Nigéria. É o país mais pobre do mundo, o último em IDH (Índice de Desenvolvimento Humano). Viemos pra cá e começamos a ajudar essas pessoas”.
Em matéria do jornal O Globo, lê-se: “Mais conhecido no passado como paquito Xand do ‘Xou da Xuxa’, Alexandre desenvolve trabalhos humanitários com crianças na organização evangélica Guerreiros de Deus, com a mulher e quatro brasileiros. Um dos projetos da organização, que oferece refeições a crianças da capital Niamey, tem base no quintal da casa. Por isso, a destruição afetou, também, o seu trabalho. O casal oferece, diariamente, 250 pratos de comida para as crianças atendidas. Em todo o Níger são 1.200 refeições. O trabalho é voluntário e conta com a ajuda de cerca de 90 pessoas”.
Destaca O Globo: “Xand se preparava para o almoço, por volta de 13h do último sábado, quando ouviu gritos e, do segundo andar, viu fumaça saindo de outras casas e templos queimados, além de manifestantes com pedaços de pau se aproximando... ouviu gritarem ‘casa do Alex’ e se dirigiam a ela. Ele diz que é conhecido em Niamey por seu trabalho humanitário”.
Afirmou Xand: “Estamos aqui há muitos anos. Todo mundo me conhece, sabe que somos cristãos. Aqui eles me conhecem não por ser ex-paquito da Xuxa, pelos filmes, de cantar e dançar. Aqui eles nos conhecem como um casal de brancos que chegou em 2001 e começou a ajudar as pessoas”.
Xand e esposa conseguiram fugir antes que os manifestantes atingissem sua casa e, ao voltarem, viram o estrago: “Foi afetado tudo. Desde panela e prato, levaram tudo. Saquearam, quebraram, queimaram, roubaram. Foi bem difícil para a gente voltar e dar uma olhada. Foi bem triste, a casa está sem luz e sem água e as janelas e o portão estão quebrados, graças a Deus ninguém ficou ferido”. O momento é de emergência, pois terão que começar do zero.
Na TV RECORD, chorando, disse: “Não sairemos daqui, conversamos eu e minha esposa, só sairemos se Deus nos der uma ordem muita clara ou o governo nos expulsar dizendo que só ficarão os muçulmanos”.
Sinceramente, fiquei envergonhado com minha participação em missões. E, sem presunção, tentamos fazer alguma coisa. Mas vi que, diante de uma decisão como a de Xand, tenho feito muito pouco. Ainda este mês, nossa Igreja começará a ajudar o projeto.
Não esperava, mas um ex-paquito me deixou envergonhado.

*Pastoral do boletim dominical da Igreja Batista do Braga de 25 de janeiro de 2015.

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Je suis Charlie? Não, eu não sou Charlie


Joelson Gomes
João Pessoa - PB 

Assassinatos se justificam? Terminantemente não! Brincar com a fé dos outros se justifica? Terminantemente não! Nos últimos dias a noticia que abalou o mundo foi a barbárie do assassinato de várias pessoas que faziam parte do semanário de sátiras francês Charlie Hebdo em sua sede. Isso acende de novo a discussão: até que ponto vai a liberdade de expressão? Será que em nome de uma tal liberdade de imprensa se pode fazer o que quiser com a crença alheia? Devo retratar Maomé com imagens pornográficas sabendo que ele é para milhões de pessoas um santo profeta? Devo retratar O Deus dos cristãos: Pai, Filho e Espírito Santo transando num ménage A trois?! Veja as imagens de capas do Charlie Hebdo na internet e pense no que pensam as pessoas que fazem esse tipo de coisa.Os fanáticos assassinos da França não podem ser chamados de muçulmanos, mas também colabores do Charlie Hebdo não podem ser chamados de artistas, eram blasfemadores. Caçoavam da religião dos outros sem escrúpulos.

Vejo uma comoção mundial por causa dos assassinatos injustificáveis sempre, mas vejo que esta comoção esconde uma problema sério: o que este semanário faz. Parece que o tema preferido deles é gozar da religião alheia retratando seus símbolos em situações ridículas ou pornográficas. Onde está a mesma comoção pelas pessoas que tem e tiveram sua fé atacada inúmeras vezes por esta revista? Será que só olham as vítimas, digo novamente injustificáveis, da revista? E as vítimas religiosas? Será que estamos sendo justos? Qualquer um metido a cartunista pode pegar um lápis e desenhar Deus ou qualquer outro ícone religioso, do jeito que que quiser e todos dizem "amém?" Não, tem algo errado nesse negócio.

Meus pêsames pelos membros do Charlie Hebdo assassinados pelos dois fanáticos que envergonham a religião muçulmana, mas meus pêsames também pelo desserviço que presta este semanário francês. Um lixo lido por mentes cheias de... nada.

Este episódio não pode focar a discussão religiosa: "foram os fanáticos e etc". Deve entrar na roda a discussão sobre o que jornais, revistas e programas fazem com a fé alheia. Enquanto isso não entrar na baila continuarão atirando fora do alvo.

A frase "Je Suis Charlie" (somos todos Charlie) se espalhou pelo mundo. Mas, eu digo: eu não sou Charlie.

Respeitem, se quiserem ser respeitados.

Fonte: Editora Ultimato
http://www.ultimato.com.br/comunidade-conteudo/je-suis-charlie-nao-eu-nao-sou-charlie

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Quando pensamos que estamos sozinhos!

Sermão pregado pelo Pr. Neemias Lima na Igreja Batista do Braga, 11.01.2015, culto noturno

I Reis 19.1-18
E Acabe fez saber a Jezabel tudo quanto Elias havia feito, e como totalmente matara todos os profetas à espada.
Então Jezabel mandou um mensageiro a Elias, a dizer-lhe: Assim me façam os deuses, e outro tanto, se de certo amanhã a estas horas não puser a tua vida como a de um deles.
O que vendo ele, se levantou e, para escapar com vida, se foi, e chegando a Berseba, que é de Judá, deixou ali o seu servo.
Ele, porém, foi ao deserto, caminho de um dia, e foi sentar-se debaixo de um zimbro; e pediu para si a morte, e disse: Já basta, ó Senhor; toma agora a minha vida, pois não sou melhor do que meus pais.
E deitou-se, e dormiu debaixo do zimbro; e eis que então um anjo o tocou, e lhe disse: Levanta-te, come.
E olhou, e eis que à sua cabeceira estava um pão cozido sobre as brasas, e uma botija de água; e comeu, e bebeu, e tornou a deitar-se.
E o anjo do Senhor tornou segunda vez, e o tocou, e disse: Levanta-te e come, porque te será muito longo o caminho.
Levantou-se, pois, e comeu e bebeu; e com a força daquela comida caminhou quarenta dias e quarenta noites até Horebe, o monte de Deus.
E ali entrou numa caverna e passou ali a noite; e eis que a palavra do Senhor veio a ele, e lhe disse: Que fazes aqui Elias?
E ele disse: Tenho sido muito zeloso pelo Senhor Deus dos Exércitos, porque os filhos de Israel deixaram a tua aliança, derrubaram os teus altares, e mataram os teus profetas à espada, e só eu fiquei, e buscam a minha vida para ma tirarem.
E Deus lhe disse: Sai para fora, e põe-te neste monte perante o Senhor. E eis que passava o Senhor, como também um grande e forte vento que fendia os montes e quebrava as penhas diante do Senhor; porém o Senhor não estava no vento; e depois do vento um terremoto; também o Senhor não estava no terremoto;
E depois do terremoto um fogo; porém também o Senhor não estava no fogo; e depois do fogo uma voz mansa e delicada.
E sucedeu que, ouvindo-a Elias, envolveu o seu rosto na sua capa, e saiu para fora, e pôs-se à entrada da caverna; e eis que veio a ele uma voz, que dizia: Que fazes aqui, Elias?
E ele disse: Eu tenho sido em extremo zeloso pelo Senhor Deus dos Exércitos, porque os filhos de Israel deixaram a tua aliança, derrubaram os teus altares, e mataram os teus profetas à espada, e só eu fiquei; e buscam a minha vida para ma tirarem.
E o Senhor lhe disse: Vai, volta pelo teu caminho para o deserto de Damasco; e, chegando lá, unge a Hazael rei sobre a Síria.
Também a Jeú, filho de Ninsi, ungirás rei de Israel; e também a Eliseu, filho de Safate de Abel-Meolá, ungirás profeta em teu lugar.
E há de ser que o que escapar da espada de Hazael, matá-lo-á Jeú; e o que escapar da espada de Jeú, matá-lo-á Eliseu.
Também deixei ficar em Israel sete mil: todos os joelhos que não se dobraram a Baal, e toda a boca que não o beijou.

Introdução:
Elias era um profeta importante!
A começar pelo nome: Iavé é Deus! O Senhor é Deus!
Sua importância é registrada em textos como:

Malaquias 4.5
Eis que eu vos enviarei o profeta Elias, antes que venha o grande e terrível dia do Senhor;

Mateus 17.3
E eis que lhes apareceram Moisés e Elias, falando com ele.

Lucas 4.24-26
E disse: Em verdade vos digo que nenhum profeta é bem recebido na sua pátria.
Em verdade vos digo que muitas viúvas existiam em Israel nos dias de Elias, quando o céu se cerrou por três anos e seis meses, de sorte que em toda a terra houve grande fome;
E a nenhuma delas foi enviado Elias, senão a Sarepta de Sidom, a uma mulher viúva.

Lucas 9.54
E os seus discípulos, Tiago e João, vendo isto, disseram: Senhor, queres que digamos que desça fogo do céu e os consuma, como Elias também fez?

Elias aparece no evento da transfiguração!
Mas este homem estupendo sentiu-se sozinho!
Você já se sentiu sozinho? Parecendo que o chão se abriu e nenhum apoio há em cima para segurar?
A experiência de sentir-se sozinho é comum a todos os seres humanos!
Se você já se sentiu assim ou se sente assim agora, esta mensagem é para você!
Esta mensagem é para mim, que muitas vezes penso “eu estou sozinho!”.
Vamos aprender com esta experiência do grande Elias!

A experiência de sentir-nos sozinhos nos ensina...
1º - A realidade de nossa humanidade -
I Reis 19...
E Acabe fez saber a Jezabel tudo quanto Elias havia feito, e como totalmente matara todos os profetas à espada.
Então Jezabel mandou um mensageiro a Elias, a dizer-lhe: Assim me façam os deuses, e outro tanto, se de certo amanhã a estas horas não puser a tua vida como a de um deles.
O que vendo ele, se levantou e, para escapar com vida, se foi, e chegando a Berseba, que é de Judá, deixou ali o seu servo.
Ele, porém, foi ao deserto, caminho de um dia, e foi sentar-se debaixo de um zimbro; e pediu para si a morte, e disse: Já basta, ó Senhor; toma agora a minha vida, pois não sou melhor do que meus pais.
E deitou-se, e dormiu debaixo do zimbro; e eis que então um anjo o tocou, e lhe disse: Levanta-te, come.
E olhou, e eis que à sua cabeceira estava um pão cozido sobre as brasas, e uma botija de água; e comeu, e bebeu, e tornou a deitar-se.
E o anjo do Senhor tornou segunda vez, e o tocou, e disse: Levanta-te e come, porque te será muito longo o caminho.
Levantou-se, pois, e comeu e bebeu; e com a força daquela comida caminhou quarenta dias e quarenta noites até Horebe, o monte de Deus.
E ali entrou numa caverna e passou ali a noite; e eis que a palavra do Senhor veio a ele, e lhe disse: Que fazes aqui Elias?

Que fazes aqui, Elias?
O profeta vitorioso estava na caverna! Com medo!
Cuidado com a teologia que deseja fazer de nós supercrentes! Semideuses! Você e eu somos humanos!
Elias pediu para morrer!
Lembre-se: somos humanos, podemos nos encontrar na caverna!
Você pode passar um tempo na caverna, mas o tempo necessário para tomar fôlego! A caverna não é seu lugar!

A experiência de sentir-nos sozinhos nos ensina...
2º - A provisão de Deus

I Reis 17:1-6
Então Elias, o tisbita, dos moradores de Gileade, disse a Acabe: Vive o SENHOR Deus de Israel, perante cuja face estou, que nestes anos nem orvalho nem chuva haverá, senão segundo a minha palavra.
Depois veio a ele a palavra do Senhor, dizendo:
Retira-te daqui, e vai para o oriente, e esconde-te junto ao ribeiro de Querite, que está diante do Jordão.
E há de ser que beberás do ribeiro; e eu tenho ordenado aos corvos que ali te sustentem.
Foi, pois, e fez conforme a palavra do Senhor; porque foi, e habitou junto ao ribeiro de Querite, que está diante do Jordão.
E os corvos lhe traziam pão e carne pela manhã; como também pão e carne à noite; e bebia do ribeiro.

I Reis 17.7-16
E sucedeu que, passados dias, o ribeiro se secou, porque não tinha havido chuva na terra.
Então veio a ele a palavra do Senhor, dizendo:
Levanta-te, e vai para Sarepta, que é de Sidom, e habita ali; eis que eu ordenei ali a uma mulher viúva que te sustente.
Então ele se levantou, e foi a Sarepta; e, chegando à porta da cidade, eis que estava ali uma mulher viúva apanhando lenha; e ele a chamou, e lhe disse: Traze-me, peço-te, num vaso um pouco de água que beba.
E, indo ela a trazê-la, ele a chamou e lhe disse: Traze-me agora também um bocado de pão na tua mão.
Porém ela disse: Vive o Senhor teu Deus, que nem um bolo tenho, senão somente um punhado de farinha numa panela, e um pouco de azeite numa botija; e vês aqui apanhei dois cavacos, e vou prepará-lo para mim e para o meu filho, para que o comamos, e morramos.
E Elias lhe disse: Não temas; vai, faze conforme à tua palavra; porém faze dele primeiro para mim um bolo pequeno, e traze-mo aqui; depois farás para ti e para teu filho.
Porque assim diz o Senhor Deus de Israel: A farinha da panela não se acabará, e o azeite da botija não faltará até ao dia em que o Senhor dê chuva sobre a terra.
E ela foi e fez conforme a palavra de Elias; e assim comeu ela, e ele, e a sua casa muitos dias.
Da panela a farinha não se acabou, e da botija o azeite não faltou; conforme a palavra do Senhor, que ele falara pelo ministério de Elias.

I Reis 19.5...
E deitou-se, e dormiu debaixo do zimbro; e eis que então um anjo o tocou, e lhe disse: Levanta-te, come.
E olhou, e eis que à sua cabeceira estava um pão cozido sobre as brasas, e uma botija de água; e comeu, e bebeu, e tornou a deitar-se.
E o anjo do Senhor tornou segunda vez, e o tocou, e disse: Levanta-te e come, porque te será muito longo o caminho.

Deus sempre provê quando nos sentimos sozinhos! Ele foi até Elias para tirá-lo da caverna!

A experiência de sentir-nos sozinhos nos ensina...
3º - Em Deus, podemos fazer proezas!

I Reis 18.22
Então disse Elias ao povo: Só eu fiquei por profeta do Senhor, e os profetas de Baal são quatrocentos e cinqüenta homens.

I Reis 21.17-24
Então veio a palavra do Senhor a Elias, o tisbita, dizendo:
Levanta-te, desce para encontrar-te com Acabe, rei de Israel, que está em Samaria; eis que está na vinha de Nabote, aonde tem descido para possuí-la.
E falar-lhe-ás, dizendo: Assim diz o Senhor: Porventura não mataste e tomaste a herança? Falar-lhe-ás mais, dizendo: Assim diz o Senhor: No lugar em que os cães lamberam o sangue de Nabote lamberão também o teu próprio sangue.
E disse Acabe a Elias: Já me achaste, inimigo meu? E ele disse: Achei-te; porquanto já te vendeste para fazeres o que é mau aos olhos do Senhor.
Eis que trarei mal sobre ti, e arrancarei a tua posteridade, e arrancarei de Acabe a todo o homem, tanto o escravo como o livre em Israel;
E farei a tua casa como a casa de Jeroboão, filho de Nebate, e como a casa de Baasa, filho de Aías; por causa da provocação, com que me provocaste e fizeste pecar a Israel.
E também acerca de Jezabel falou o Senhor, dizendo: Os cães comerão a Jezabel junto ao antemuro de Jizreel.
Aquele que morrer dos de Acabe, na cidade, os cães o comerão; e o que morrer no campo as aves do céu o comerão.

II Reis 9.29-37
(E no ano undécimo de Jorão, filho de Acabe, começou Acazias a reinar sobre Judá).
Depois Jeú veio a Jizreel, o que ouvindo Jezabel, pintou-se em volta dos olhos, enfeitou a sua cabeça, e olhou pela janela.
E, entrando Jeú pelas portas, disse ela: Teve paz Zinri, que matou a seu senhor?
E levantou ele o rosto para a janela e disse: Quem é comigo? quem? E dois ou três eunucos olharam para ele.
Então disse ele: Lançai-a daí abaixo. E lançaram-na abaixo; e foram salpicados com o seu sangue a parede e os cavalos, e Jeú a atropelou.
Entrando ele e havendo comido e bebido, disse: Olhai por aquela maldita, e sepultai-a, porque é filha de rei.
E foram para a sepultar; porém não acharam dela senão somente a caveira, os pés e as palmas das mãos.
Então voltaram, e lho fizeram saber; e ele disse: Esta é a palavra do Senhor, a qual falou pelo ministério de Elias, o tisbita, seu servo, dizendo: No pedaço do campo de Jizreel os cães comerão a carne de Jezabel.
E o cadáver de Jezabel será como esterco sobre o campo, na herdade de Jizreel; de modo que não se possa dizer: Esta é Jezabel.

Preste atenção: 
Em Deus, podemos fazer proezas! Em Deus! Não é sua habilidade! Não é a sua capacidade!

Que proezas são essas?
Deixe-me alertar sobre algo: Proezas não são coisas extraordinárias aos olhos humanos!

Que proezas, então!
1ª - Você vai perseverar nos caminhos do Senhor - Não desistirá!
2ª - Você vai propagar os feitos do Senhor - Sua vida será testemunho!
3ª - Você amará o que é de Deus e os filhos de Deus - o sentimento mesquinho de querer o mal do outro vai embora!

A experiência de sentir-nos sozinhos nos ensina...
4º - A oração tem poder!

Tiago 5.16-20
Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos.
Elias era homem sujeito às mesmas paixões que nós e, orando, pediu que não chovesse e, por três anos e seis meses, não choveu sobre a terra.
E orou outra vez, e o céu deu chuva, e a terra produziu o seu fruto.
Irmãos, se algum dentre vós se tem desviado da verdade, e alguém o converter,
Saiba que aquele que fizer converter do erro do seu caminho um pecador, salvará da morte uma alma, e cobrirá uma multidão de pecados.

Cuidado: 
Pr. Israel Belo de Azevedo: Não existe oração poderosa! Existe Deus poderoso!

Sua oração tem poder para começar a mudar você e não, necessariamente, mudar os cursos da vida! Pode ser que no plano divino você precise passar por adversidades. A oração lhe dará poder para suportar!

A experiência de sentir-nos sozinhos nos ensina...
5º - Evitar conclusões precipitadas!

Elias diz “Estou sozinho!”.
Deus diz “Não! Há sete mil que não dobraram seus joelhos!”.
Na hora em que sentir-se sozinho, não conclua. Aguarde em Deus!

Pegadas na areia
Uma noite eu tive um sonho.

Sonhei que estava andando na praia com o Senhor
e através do Céu, passavam cenas da minha vida.
Para cada cena que se passava, percebi que eram deixados dois pares de pegadas na areia;
Um era meu e o outro do Senhor.

Quando a última cena da minha vida passou
Diante de nós, olhei para trás, para as pegadas na areia e notei que muitas vezes, no caminho da minha vida havia apenas um par de pegadas na areia.

Notei também, que isso aconteceu nos momentos mais difíceis e angustiosos do meu viver.
Isso entristeceu-me deveras, e perguntei então ao Senhor.
"- Senhor, Tu me disseste que, uma vez que eu resolvi Te seguir, Tu andarias sempre comigo, todo o caminho mas, notei que durante as maiores atribulações do meu viver havia na areia dos caminhos da vida,
apenas um par de pegadas. Não compreendo porque nas horas que mais necessitava de Ti, Tu me deixastes."

O Senhor me respondeu:
"- Meu precioso filho. Eu te amo e jamais te deixaria nas horas da tua prova e do teu sofrimento.
Quando vistes na areia, apenas um par
de pegadas, foi exatamente aí que EU,
nos braços...Te carreguei."

Naquela hora você não suportaria! Eu te carreguei no colo!
Deus é o Deus que nos carrega no colo! Louvado seja o seu nome para todo sempre!

A experiência de sentir-nos sozinhos nos ensina...
6º - O céu nos aguarda!

II Reis 2:1-11
Sucedeu que, quando o SENHOR estava para elevar a Elias num redemoinho ao céu, Elias partiu de Gilgal com Eliseu.
E disse Elias a Eliseu: Fica-te aqui, porque o Senhor me enviou a Betel. Porém Eliseu disse: Vive o Senhor, e vive a tua alma, que não te deixarei. E assim foram a Betel.
Então os filhos dos profetas que estavam em Betel saíram ao encontro de Eliseu, e lhe disseram: Sabes que o SENHOR hoje tomará o teu senhor por sobre a tua cabeça? E ele disse: Também eu bem o sei; calai-vos.
E Elias lhe disse: Eliseu, fica-te aqui, porque o Senhor me enviou a Jericó. Porém ele disse: Vive o Senhor, e vive a tua alma, que não te deixarei. E assim foram a Jericó.
Então os filhos dos profetas que estavam em Jericó se chegaram a Eliseu, e lhe disseram: Sabes que o SENHOR hoje tomará o teu senhor por sobre a tua cabeça? E ele disse: Também eu bem o sei; calai-vos.
E Elias disse: Fica-te aqui, porque o Senhor me enviou ao Jordão. Mas ele disse: Vive o Senhor, e vive a tua alma, que não te deixarei. E assim ambos foram juntos.
E foram cinqüenta homens dos filhos dos profetas, e pararam defronte deles, de longe: e assim ambos pararam junto ao Jordão.
Então Elias tomou a sua capa e a dobrou, e feriu as águas, as quais se dividiram para os dois lados; e passaram ambos em seco.
Sucedeu que, havendo eles passado, Elias disse a Eliseu: Pede-me o que queres que te faça, antes que seja tomado de ti. E disse Eliseu: Peço-te que haja porção dobrada de teu espírito sobre mim.
E disse: Coisa difícil pediste; se me vires quando for tomado de ti, assim se te fará, porém, se não, não se fará.
E sucedeu que, indo eles andando e falando, eis que um carro de fogo, com cavalos de fogo, os separou um do outro; e Elias subiu ao céu num redemoinho.

O Salmo 23 nos assegura:
O Senhor é o meu pastor...
(Todos recitando!)

Conclusão:
Que fazes aqui, Elias!?
Deus disse isso quando Elias estava na caverna! Qual é a sua caverna hoje? Deus diz para você “Qua fazes aqui?!”.
No Jordão, Elias teve extraordinária experiência!
Sabe o que significa Jordão? O que desce, o que corre! Elias nem correu nem desceu!
Elias subiu!

Lázaro canta com alegria: 
Ainda bem que eu vou morar no céu! Ainda bem que eu vou morar no céu!